O PANTANAL PRECISA DE VOCÊ

Informar e promover o diálogo para um Pantanal sustentável.

VOLTAR

11 de janeiro: Dia do Combate à Poluição por Agrotóxicos

O que é comemorado no dia 11/01?

Há 30 anos, no dia 11 de janeiro de 1990, foi publicado o decreto que determina mais rigor para o uso de agrotóxicos em plantações. A lei estabelece maior controle, inspeção e fiscalização no uso de agroquímicos em plantações

É importante lembrar que a data não é uma comemoração, mas uma reflexão sobre os impactos causados pelo uso das substâncias e a promoção de melhores práticas no ramo.

O que essa data muda no nosso dia a dia?

Impacto dos agrotóxicos nas regiões pantaneiras

De acordo com pesquisadores, a biodiversidade da Bacia do Alto Paraguai (BAP) está comprometida por conta do desmatamento e, principalmente, pela contaminação por defensivos agrícolas. Os profissionais consideram a influência do uso de agrotóxicos, inseticidas e herbicidas em atividades agropecuárias sobre a flora e fauna do Pantanal como uma verdadeira ameaça. 

(Foto: Pixabay)

Segundo a Embrapa, com a amplificação da área de drenagem da Bacia Hidrográfica do Alto Taquari (BAT) nos últimos anos, localizada no Pantanal, foi registrado um aumento também no uso de agrotóxicos. A sua utilização prejudica o solo, os lençóis freáticos e as plantações locais. Como consequência, afeta também os animais da região e principalmente os peixes, impactando toda a cadeia alimentar, até chegar em nós.

Essas substâncias químicas, além de poluírem todos os corpos d’água da região, comprometem a vida marinha. Na cadeia alimentar, não são somente os peixes que sofrem com isso, mas todos os seus predadores. No ser humano, pode causar intoxicação alimentar.

Segundo a área de Saúde Ambiental da OMS (Organização Mundial da Saúde), doenças cujas causas eram classificadas como desconhecidas, tais como câncer, doenças respiratórias, neurológicas e más formações congênitas, podem ser originadas a partir do uso excessivo de venenos agropecuários. Ou seja, a organização considera, hoje, o agrotóxico como grande fator de influência nesse processo. 

Pesquisador da Embrapa, Carlos Padovani explica que o uso dos agrotóxicos é um tema sensível e polêmico. Segundo ele, “ao mesmo tempo que você tem a necessidade do uso de agroquímicos, em função da produção agrícola, podemos vir a ter os problemas de contaminação ambiental e até dos humanos”.

Conscientização

O uso de agrotóxicos é realmente uma tema bastante complexo. Ao mesmo tempo que o uso da substância pode poluir e prejudicar o meio ambiente, ele parece, muitas vezes, a única forma de proteger as plantações e a manutenção da economia em determinadas regiões. 

No entanto, os agricultores podem recorrer a outras alternativas no controle de pragas e doenças. Alguns métodos utilizados na produção orgânica, como o policultivo, a rotação e o consórcio de culturas, a criação de corredores ecológicos, adubação verde, o controle biológico, emprego de plantas companheiras e repelentes, além do uso de cercas vivas ou cordões de contorno, podem ser opções interessantes. Nestes casos, não somente a produtividade seria beneficiada, mas também o meio ambiente e saúde dos animais e seres humanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *